quarta-feira, 11 de novembro de 2009

DEUS SEMPRE NOS SURPREENDE



E era trazido um homem que desde o ventre de sua mãe era coxo, o qual todos os dias punham à porta do templo, chamada Formosa, para pedir esmola aos que entravam. [...] (Atos 3.1-10)
Todos os dias o ritual era o mesmo. Alguns parentes se revezavam na dura missão de colocar um homem que desde o ventre materno era coxo, na porta do templo chamado Formosa para pedir esmolas aos que entravam para os seus momentos de oração. Muitos se moviam de compaixão ao vê-lo ali dia após dia tentando sobreviver na base da solidariedade dos outros e procuravam de alguma forma amenizar o seu sofrimento deixando-lhe algumas moedas ou mesmo alguma palavra de consolo. Esta era a sua rotina diária. Todos os dias à porta daquele templo e esta situação já estava roubando os seus sonhos, a sua visão do futuro e até mesmo a sua dignidade e auto-estima.

Eu posso imaginar aquele homem em sua casa sendo ajudado por sua família naquele dia em que aparentemente seria mais um dia comum e rotineiro. Ele é colocado como de costume à porta do templo e as pessoas começam a chegar para suas orações e entre elas chegam também dois amigos Pedro e João, discípulos de Jesus.
A Bíblia nos diz que aquele homem vendo a Pedro e João pediu-lhe que lhe desse esmola. Neste instante algo interessante e inusitado acontece, pois recebe destes a seguinte declaração: “Olha para nós” E o texto nos diz que “o homem olha para eles esperando receber alguma coisa” Porém Pedro lhe dirige a palavra dizendo-lhe: “Não tenho prata e nem ouro, mas o que tenho te dou. Em nome de Jesus Cristo, o nazareno, levanta e anda. E em seguida tomando-o pela mão direita, o levantou e logo os seus pés e artelhos se firmaram”. A Bíblia nos diz nos versos 8-10 que: “saltando ele, pôs de pé e começou a andar. Então entrando com eles no templo, andando e saltando, e louvando a Deus. E todo o povo o viu andar e louvar a Deus; E conheciam-no, pois era ele o que se assentava a pedir esmola à porta Formosa do templo; e ficaram cheios de pasmo e assombro, pelo que lhe acontecera”. Amado (a) Hoje Deus quer falar contigo de uma maneira muito especial, pois ele conhece as suas necessidades e quer com certeza abençoá-lo (a).
Neste texto encontramos três coisas importantes para analisarmos na visão do paralítico.
1. O seu milagre está a caminho Seja qual for o tipo de problema que você esteja passando hoje, saiba que Deus não é injusto e Ele com certeza quer que você saia deste estado que você se encontra. Com o coxo à porta do templo foi assim também. Por dias, meses e anos ele estava ali no mesmo local. Embora suas emoções estivessem em frangalhos e a sua visão do futuro ofuscada por causa de sua realidade de vida, o fato é que o seu milagre aconteceu de uma hora para outra. Saiba que Deus nos surpreende, pois ele enxerga na frente toda a nossa vida. Seja uma situação financeira critica que você esteja passando, ou na área sentimental que está deixando a desejar, problemas familiares que tem se acumulado. Ou mesmo um problema de ordem física é importante que você saiba O SEU MILAGRE ESTÁ A CAMINHO.
2. Para que o milagre aconteça você precisa clamar e olhar para a direção certa. O coxo de nascença também fez isto: Não desistiu de pedir, de pedir, de pedir. Todos os dias, todos os meses, todos os anos lá estava ele pedindo que alguém o ajudasse, e um dia o céu se abriu para ele de forma sobrenatural, pois à sua frente estavam homens que tinham em nome de Jesus a sua cura física para lhe devolver. Aquele homem com o seu problema físico olhou para a direção certa, na direção de Deus e foi curado.
Amado (a) não deixe de lutar, não se deixe abater. O apostolo Paulo em sua carta aos II Corintíos 4:7-10 nos diz: “Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus, e não de nós. Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados. Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos; Trazendo sempre por toda a parte a mortificação do Senhor Jesus no nosso corpo, para que a vida de Jesus se manifeste também nos nossos corpos”.
3. Quando o milagre chegar não esqueça de agradecer a Deus. Aquele homem soube ser grato a Deus. Ele podia muito bem correr para casa saltando pelo caminho alegre pelo acontecido, mas de vez de fazer isto correu para dentro do templo. A gratidão precisa estar sempre em nosso coração. O reconhecimento pelos feitos do Senhor mais ainda. A Ele e tão somente a Ele devemos dar toda a Glória e todo Louvor.
Conclusão: O ano de 2009 está chegando ao seu final. Muitas coisas boas e ruins, alegres e tristes aconteceram conosco este ano. Porém devemos crer que 2010 será um ano de muitas bênçãos em nossas vidas. Muita coisa boa vai acontecer. Tenha sempre em mente e guarde no coração que O seu milagre está a caminho, e que para que o milagre aconteça você precisa clamar e olhar para a direção certa não se esquecendo de agradecer a Deus. Que o Senhor renove a sua vida e lhe dê paz, alegria e uma fé inabalável na pessoa de nosso Senhor Jesus Cristo. Confie no Senhor, pois só Jesus é a sua completa e total segurança nesta vida e para a vida eterna.
Lembre-se: “Se creres verás a Glória de Deus”

11 comentários:

  1. Olá Rafael e pricila a propósito quando vamos nos reunir pra tocar novamente?
    Comentando o referido texto muito lindo por sinal, nos remonta a fé que devemos ter em Cristo e em seus nobres ensinamentos, mas não nos esqueçamos que a fé sem obras é morta, de nada adianta sermos Homens de muita fé se não amamos nosso próximo como a nós mesmos e demonstrarmos isso. Existem homens de muita fé que matam e esses não verão o "reino dos céus". Mas há também Homens que sem fé alguma ou de pouca fé são exortados por Deus que habita em nosso coração (assim como em todas as coisas por isso onipresente) a fazer o bem, amar seu próximo e inimigo como Irmãos bem como a Deus sobre todas as coisas, esse sim entrará no "Reino dos céus" e viverá para a "vida eterna".

    Muita Paz à todos.

    ResponderExcluir
  2. "Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.Não vem das obras, para que ninguém se glorie;Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas." (Efésios 2.8-10)
    Bom, com relação a quem será salvo ou não, eu não posso falar nada, afinal, não somos juízes e nem devemos assumir esse papel. Mas o que eu posso dizer é que concordo com o Léo, quando ele diz que a fé sem obras é morta (Tiago 2.26). Mas temos que tomar cuidado para não nos perder nesse pensamento isolado.
    Por muito tempo, a carta de Tiago foi tida com espúria (falsa), por parecer contraditória à Bíblia, quando se fala sobre as obras. Realmente, ao lermos a epístola de Tiago, em um sentido superficial, nos parece que as obras são tidas como primordiais. Mas quando lemos a epístola à fundo, vemos que o capítulo 2, mostra as obras como um complemento da fé. É interessante se traçarmos um paralelo com o texto de Efésios 2.8-10, quando Paulo diz que fomos criados em Jesus para as boas obras, que Deus as criou para que andássemos nela. Veja como o texto de Tiago e o de Efésios se complementam perfeitamente!
    Sem fé é impossível agradar a Deus (Hebreus 11.6), por mais que façamos boas obras! E por que isso?! Porque, se não crermos que Deus existe, se não tivermos fé no Autor da fé, do que adiantará as obras?! Onde mais elas estarão firmadas?! Assim como, do que adianta crermos em Jesus e não praticarmos as suas obras?! Se não amarmos ao próximo, que vemos, como poderemos amar a Deus, que não vemos?! Assim como também é vazia a fé fora de Jesus. Pois, como temos fé em Deus se não crermos que Ele enviou Seu Filho (João 3.16), para remissão dos nossos pecados na cruz e ressuscitar ao terceiro dia?
    Assim como a fé sem obras é morta, as obras sem fé também se tornam vãs, de nada servem.
    As pessoas acham que por fazerem boas obras merecem algum reconhecimento de Deus em troca. Estão redondamente enganadas! Deus criou as boas obras para que andássemos nelas, isso quer dizer que o mínimo que podemos fazer é andar em boas obras, ou seja, não há nada de extraordinário nisso, isso não nos torna melhores ou piores, nem nos remete mérito algum, pois se considerarmos reconhecimento pelas nossas obras aí estará a vã glória, e a vã glória traz soberba, e soberba nos afasta de Deus.
    O que a Bíblia nos propõe não são os extremos, ou seja, o homem com fé e sem obras, ou o homem com obras e sem fé. Pelo contrário, o que a Bíblia nos orienta é que sejamos equilibrados, isso quer dizer, que devemos mostrar a nossa fé em Jesus Cristo, por meio das obras, não esperando que estas nos salvem ou nos tornem melhores, pois Cristo é quem nos salva e nos faz nascer de novo.
    Em suma, a fé cristã e verdadeira está retratada no seguinte texto:
    "Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim." (Gálatas 2.20)

    ResponderExcluir
  3. Concordo Rafael, em partes, mas as partes que não concordo são relevantes, mas seria melhor entendermos o que está escrito sem decorarmos as frases isoladas como tu mesmo disseste.
    Sem fé é impossível agradar a Deus (Hebreus 11.6)
    Então quer dizer que um Ateu tendo boas obras sendo um bom Homem, ele não agradará a Deus? E um ateu naõ espera nenhum reconhecimento de Deus faz por amor.
    Essa concepção Humana e errônea de Deus é que fujo.

    ResponderExcluir
  4. Bom, foi como eu disse a você no início. Eu não sou juíz, nem você, não podemos saber quais os critérios adotados por Deus no seu julgamento, e com certeza a justiça dEle é superior à nossa, pois Ele é Santo, e os padrões dEle são perfeitos, já os nossos não.
    Qual é o seu critério para justiça??O que você e eu podemos determinar como sendo um homem bom??Qual critério utilizar para isso??Existe alguém justo o suficiente para determinar os padrões verdadeiros de justiça?? Eu acho que não, com exceção de Deus.
    A concepção que eu te passei não é a minha, e sim a concepção bíblica. Eu não decorei os textos que te enviei, apenas enviei versículos chave, justamente para que as pessoas possam ler o texto por completo. O texto de Hebreus 11 fala sobre os heróis da fé, homens que creram em Deus, e tiveram isso imputado por justiça diante do Senhor.
    O caso do ateu é simples. Se trouxermos para a esfera humana, imagine: um homem que nega o seu pai e prefere viver afastado dele, negando a sua paternidade a ponto de desconsiderar a sua existência, ainda assim o agrada? você como pai se agradaria?
    O evangelho de João é bem claro dizendo:
    "Ora, ninguém subiu ao céu, senão o que desceu do céu, o Filho do homem, que está no céu. E, como Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado; Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. Porque todo aquele que faz o mal odeia a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas. Mas quem pratica a verdade vem para a luz, a fim de que as suas obras sejam manifestas, porque são feitas em Deus." (João 3.13-21)
    A nossa natureza tende ao erro, nunca se viu, nem se verá homem algum perfeito, senão Jesus Cristo, que é o próprio Deus, por isso Deus o enviou ao mundo, para que por meio dEle fôssemos sarados, isso é a maior prova do amor de Deus, a sua graça oferecida aos homens. Quem despreza a graça de Deus, despreza o próprio Deus, que se fez carne e se entregou por nós. Muitas pessoas não crêem na graça de Deus, nem nos evangelhos como eles realmente são, pois acreditam que têm que fazer algo em troca para compensar as suas falhas como homens. Não é necessário ser feito nada mais, tudo já foi feito por Deus, nós agora devemos viver a novidade de vida, por isso fazemos as boas obras, pois quem está em Cristo nova criatura é.
    Se fôssemos salvos pelas obras, apenas seria um jogo do "quem faz mais pontos", não passaria de um jogo de interesses. Mas Deus nos colocou a nível de igualdade, nos colocou debaixo da sua graça, e é simples, aquele que crê verdadeiramente no cordeiro, está salvo, logo, as boas obras passam a fluir do seu ser, mas aqueles que não crêem já estão condenados, ainda que pratiquem as boas obras.
    Léo, nós somos pecadores, não merecemos nada de Deus, por mais que façamos coisas boas continuaremos a errar em alguma coisa. Entendendo essa natureza corrompida do homem, Deus se entregou por nós, Ele pagou o preço para que eu e você fôssemos salvos para habitar a vida eterna com Ele.
    Espero que você possa compreender as palavras que eu te transmiti. Não quero que você pense como nós, crentes, pensamos. Gostaria apenas que você refletisse um pouco sobre essa ótica que eu te passei.
    Louvado e engrandecido seja o Deus Todo Poderoso!Aleluia!
    Que nos molde segundo a vontade dEle, e que o entendimento dEle, e não dos homens, sondem as nossas mentes, hoje e sempre! Amém!

    ResponderExcluir
  5. Mas Rafael tu acabaste de dizer que não conhecemos os critérios de julgamento de Deus, tenha certeza absoluta que Deus não nos ama como ama um pai co-criador a seu filho aqui na Terra, mas sim como um Criador, não queira fazer Deus a nossa semelhança. O Amor cobre uma multidão de pecados, imagine o Amor de Deus!!
    Mas quando voltamos a falar nas partes bíblicas retorno ao ponto de partida em todas as nossas divergências, não querem aceitar que a bíblia deve ser interpretada e trazida em suas alegorias para o dia de Hoje, visto que a sociedade evoluiu e com ela a mente e não precisamos mais termos medo, sermos coagidos a crêr como o povo daquela época. E com a bíblia para aquele tempo não pra hoje, e não use as profecias como argumento pois profecias todos nós temos e é claro que avançam no tempo senão não seria profecia mas lembrança.
    Só para ilustrar, meu pai biológico me deixou com 1 ano e meio e nunca mais me procurou, por muita incistência de minha mãe quando eu tinha 12 anos ele apareceu uma vez e não mais voltou, hoje ele é pastor de uma Igreja Evangélica "renascer em Cristo" se não me engano, e amo o meu pai de todo o meu coração, como meu irmão filho do mesmo Criador, eu o amo sem qualquer reserva mental e não o negaria sob quaisquer aspectos. Imagine Deus, o Criador que criou nossa constituição física tão perfeita (hoje já podemos compreender a fisiologia Humana mas na época fora usada a simbologia do Barro), nossos sentimentos, essas coisas que acontecem como pensar na pessoa e ela te ligar, as ""coincidências"" da vida são apenas Leis de Deus assim como a Lei da gravidade, mas que poucos compreendem.
    O Servilismo não mais é necessário hoje em dia, hoje temos a liberdade de dar dinheiro aqui ou ali para essa ou aquela religião crescer, na época de Lutero e da Reforma Católica não.
    Rafael as obras de Deus são tão maravilhosas, não é a mera encarnação do Mestre Yeschoua a grande Graça divina, dessa forma essa concepção de Deus exclui e certamente muita gente da terra.
    4.180.000.000 Não crêem em Deus da mesma forma que você (são budistas, islamistas, hiduístas e outros)
    1.850.000.000 São cristãos sendo que somente 750.000.000 são Evangélicos a outra parte é católica, então quer dizer que somente 750.000.000 da população mundial será salva? Se tu chamares isso de Justiça Divina estarás blasfemando.
    Muita Paz

    Leonardo Rocha '.'

    ResponderExcluir
  6. Resposta ao Comentário do Leonardo - Parte 1/2

    Qual é o seu critério de justiça Léo? O que você considera como homem justo? O que o homem pode fazer, por si mesmo, para ser salvo? Por que Jesus morreu na cruz, se o homem pode salvar-se a si mesmo com suas obras?
    Você pode me responder essas questões? Espero que sim.
    Com relação ao exemplo que eu dei sobre paternidade, fiz pensando em uma paternidade verdadeira, e não corrompida pelo pecado humano, tentei simplificar as coisas para você entender com base em um exemplo mais humano e palpável.
    Creio na Bíblia como sendo palavra para ontem, hoje e amanhã, na forma exata como ela foi escrita. Ela é uma das maiores provas do poder de Deus, pois perdura há mais de 4000 anos, e sei que assim como você, muitos não aplicam as suas verdades de forma plena, por crerem que algumas coisas são alegorias. Você não acredita que Deus possa ter criado o homem do pó?! Não crê que Deus tenha poder para abrir o mar?! Ou que um vale de ossos secos possam criar vida?! Ou ainda, que o Filho de Deus possa ressuscitar, e estar vivo hoje e sempre?! Então me desculpe, é melhor pararmos nossa conversa por aqui, pois o Deus que você conhece é diferente do Deus que eu conheço, o Senhor Todo Poderoso.
    A Bíblia é muito clara em todas as suas declarações, mas o homem, como eu disse, não se conforma com o fato de suas obras não serem aprovadas por Deus, somos tão egoístas que achamos que Deus tem que aprovar as boas obras que fazemos na vida, como se elas devessem receber algum tipo de mérito.

    ResponderExcluir
  7. Resposta ao Comentário do Leonardo - Parte 2/2

    Jesus é o único caminho para homem chegar até Deus, Ele está vivo, pois ressuscitou, e está de braços abertos para receber qualquer um desses milhões de budistas, islâmicos, hinduístas, ateus e outros que quiserem recebê-lo. Aliás, esse é o papel da Igreja no mundo, o corpo de Cristo na Terra deve levar o evangelho a todas as nações, mas sabemos que existem aqueles que não querem acreditar, e estão no seu direito. Você acha que Cristo morreu na cruz à toa? Você acha que Ele não poderia ter saído daquela cruz na hora em que quisesse? Ele escolheu se entregar para remissão dos nossos pecados, se tornando o único e suficiente mediador entre o homem e Deus. Não há nada que o homem possa fazer para se salvar, apenas entregar sua vida a Jesus. Fora de Jesus não há salvação, nem sombra dela.
    É um direito seu acreditar nisso ou não, assim como é de outras pessoas e religiões também. Mas é isso que a Bíblia diz, você querendo acreditar ou não.
    Sua filosofia é muito humanista, Deus não está no centro das coisas que você fala, mas sim o homem, e apenas o homem. Entenda que o homem é criatura, e não criador. Deus já fez a parte dEle, enviando Jesus, cabe ao homem acreditar ou não, mas independente da aceitação ou não aceitação Ele estará lá, hoje e sempre.
    As pessoas que não crêem na Bíblia, como sendo palavra de Deus para todos os tempos, sempre dizem as mesmas coisas, e sempre levantam as mesmas questões que você colocou em seu comentário. Não há originalidade alguma nessas coisas que foram ditas, são sempre os mesmos questionamentos. Questionamentos que poderiam ser completamente sanados se fossem transformados em esforços para o estudo e entendimento das escrituras sagradas. Assim como Werner Keller disse, um repórter que fora ateu: "E a Bíblia tinha razão...".
    Acredito que a justiça de Deus é esta: que Cristo morreu na cruz para a remissão dos nossos pecados, quem crê nEle estará salvo e quem não crê já está condenado, independente de religião. A religião não salva, as obras não salvam, e nada mais salva o homem além de Cristo. Se isso quer dizer que muitas pessoas serão salvas, ou que poucas pessoas serão salvas, não importa, mas sei que é desejo de Deus que todos se salvem, ou seja, o desejo dEle é que todos recebessem em seus corações o maior presente que Ele nos deu, o Seu Filho. Infelizmente, eu não posso fazer nada com relação aos que não creem, apenas lamentar por desprezarem a graça salvadora de Deus.
    Aqui nesse site o nosso propósito é propagar a graça salvadora de Deus, pois é nosso desejo, assim como o de Jesus, pregar e propagar a Palavra de salvação para todos os homens. Mas se muitos escolhem não acreditar, não podemos fazer nada além de orar para que o Espírito Santo toque nos corações daqueles que se fecharam para a palavra de Deus.
    Que Deus nos ajude! Amém!

    ResponderExcluir
  8. PARTE 1
    Rafael jamais lhe privarei do teu direito de crêr dessa forma e ter tuas próprias verdades, todo Ser humano hoje é livre pra isso. Respondendo tuas perguntas.

    Qual é o seu critério de justiça Léo?

    Meus critérios são pessoais de acordo com o ínfimo conhecimento que tenho e em nada se aproximam da concepção da Justiça divina que é aplicada todos os dias em nossas vida, o Juizo final acontece todos os dias. (Oniciência)
    Mas e a tua concepção de Justiça? Uma criança nascendo alejada, umas na Europa outras sob as pontes... Sem o conhecimento das Leis Universais interpretaria eu como Injustiça divina, tais fatos.

    O que você considera como homem justo? Homem Justo é aquele que compreende o que são as Leis de Deus e as aplica em sua vida diária.

    O que o homem pode fazer, por si mesmo, para ser salvo?

    Cuprir as Leis Divinas. (A salvação que concebo é uma bem diferente do sedentarismo de "Aguardar em Cristo", ""Aceitar" o Cristo vivo e estar salvo")

    Por que Jesus morreu na cruz, se o homem pode salvar-se a si mesmo com suas obras?
    Todo o simbolismo demonstrado pela Cruz já utilizada pelos povos a milênios me exorta ao labor, trabalhar minhas imperfeições e ser um Homem Justo cumprindo tudo o que o Cristo ensinou e Cumpriu em seus 33 Graus enquanto encarnado na Terra.

    Você não acredita que Deus possa ter criado o homem do pó?

    O povo daquela época (antigo testamento)desprovido do conhecimento científico jamais conceberia as magníficas explicações da fisiologia humana, o entanto o simbolismo já nos basta pra compreender que do pó viemos e à ele retornaremos (reencarnação).
    É necessário que se tire a trave do próprio olho pra que enxerguemos o cisco no olho alheio.

    Não crê que Deus tenha poder para abrir o mar?

    Creio pois todos nós temos os elementos da Natureza em nós, somos filhos do Criador, constate isso por ti mesmo.

    Ou que um vale de ossos secos possam criar vida?

    Já respondido, mas cuidado em levar tudo ao pé da letra pode parecer ridículo, e tu és inteligente.

    Ou ainda, que o Filho de Deus possa ressuscitar, e estar vivo hoje e sempre?

    Achas que ele tem um corpo físico como o nosso no Céu???

    Então me desculpe, é melhor pararmos nossa conversa por aqui, pois o Deus que você conhece é diferente do Deus que eu conheço, o Senhor Todo Poderoso.

    Ele não é diferente, é que nós entendemos de forma diferente um do outro, estou lhe mostrando a minha e tu querendo provar que teu entendimento do Criador (que teus sentidos objetivos não podem sonda-lo) é melhor que o meu.

    "mas o homem, como eu disse, não se conforma com o fato de suas obras não serem aprovadas por Deus"

    Nossas boas obras são aceitas de bom grado por Deus a medida que cumprimos suas Leis.

    Você acha que Cristo morreu na cruz à toa?
    De forma nenhuma, ele não morreu na Cruz, está vivo como nós quando deixar-mos esse pó aqui na Terra.

    Você acha que Ele não poderia ter saído daquela cruz na hora em que quisesse?
    Se tu só tens como referência a Bíblia editada pelos católicos e montada por Lutero... É foi o que aconteceu.

    ResponderExcluir
  9. PARTE 2

    Acredito que a justiça de Deus é esta: que Cristo morreu na cruz para a remissão dos nossos pecados, quem crê nEle estará salvo e quem não crê já está condenado, independente de religião.

    Uma concepção confortável e egoísta. Creio no mesmo Cristo que você mas vou mais a fundo, estudo mais um pouquinho com a mente um pouco mais aberta.

    Infelizmente, eu não posso fazer nada com relação aos que não creem, apenas lamentar por desprezarem a graça salvadora de Deus.

    Graça salvadora e arrebatadora né, pois não haverá segunda chance, quem com ele não estiver pro inferno irá?

    Aqui nesse site o nosso propósito é propagar a graça salvadora de Deus, pois é nosso desejo, assim como o de Jesus, pregar e propagar a Palavra de salvação para todos os homens. Mas se muitos escolhem não acreditar, não podemos fazer nada além de orar para que o Espírito Santo toque nos corações daqueles que se fecharam para a palavra de Deus.

    Rafael admiro a tua boa vontade e admiro teu site também mas seria bem interessante caso tu possas junto com essas pessoas que procuram a salvação (fácil) na aceitação de Jesus como Salvador, estudar e aplicar seus ensinamentos.

    “Longo é o caminho do ensino por meio de teorias; breve e eficaz por meio de exemplos."

    Reconhece-se o cristão pelas suas obras...

    “Nem todos os que me dizem Senhor, Senhor, entrarão no Reino dos Céus, mas somente o que faz a vontade de meu Pai, que está nos Céus”.

    Será bastante dizer:“ Sou cristão ”, para seguir o Cristo? Procurai os verdadeiros cristãos e os reconhecereis pelas suas obras. “Uma árvore boa não pode dar maus frutos, nem uma árvore má dar bons frutos”.

    Mas não basta ser convidado. Não basta o nome de Cristãos, nem sentar-se à mesa, para participar do banquete Celeste: É mister, antes de tudo, ter vestido o Traje Nupcial. (Ter adquirido a Luz do Espírito)

    "Fora da Caridade não há salvação." Quão poucos se fazem dignos de entrar no Reino dos Céus. Por isso Jesus disse: " Muitos os chamados, poucos os escolhidos."

    Que a Paz esteja sempre conosco.

    ResponderExcluir
  10. Marcos - 13:31:

    “ Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão.”

    A Palavra de Deus é a mesma ontem, hoje e sempre. Para que possamos compreendê-la, é necessário estudá-la, pois se não estudamos a fundo, a nossa concepção é apenas humanista.

    É completamente contraditório dizer que ama a Deus e não amar e nem crer na sua Palavra, ou, crer apenas em parte. Se amamos a Deus e o reconhecemos como Salvador, também devemos amar e ESTUDAR a sua Palavra, para que então possamos argumentar a respeito dela.

    “Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.”
    I Coríntios 2.14

    A Palavra de Deus é revelada espiritualmente, se a lermos como apenas um livro, ela será apenas um livro para nós e a nossa concepção será apenas humanista.

    Lembremos: As coisas do Espírito de Deus se discernem ESPIRITUALMENTE.
    (Romanos 2:14)

    ResponderExcluir
  11. Concordo plenamente Rafael devmos além de estudar as escrituras e pô-las em seu devido tempo atentar com o coração.

    "Ele não pode ser ouvido com os ouvidos, nem visto com os olhos; a língua não pode dele falar, mas ele só pode ser conhecido com a mente e com o coração. Mas primeiro deves livrar-te das roupas qu vestes, esta teia de ignorânciam esta base do mal..."

    "Ele está além de qualquer denominação e só pode ser apreendido pelo pensamento, contudo, podemos vê-Lo com nossos olhos, naquilo que é manifesto. Ele é incorpóreo, entretanto tem muitos corpos ou está materializado em todos os corpos. Todas as coisas que existem são Ele; todos os nomes, pois são Dele. Por esta razão Ele não tem nome porque é o Pai de todos."
    Hermes trismegisto

    Hermes Trismegisto viveu cerca de 2000 anos antes de Cristo. Esta é uma pequena parte de um estudo bem complexo das Leis universais que existem em nós e em todo o Universo, como posso querer compreender a Deus se nada sei a meu respeito?
    Disseste bem, ESPIRITUALMENTE, estuda pois as Leis inerentes ao espírito, regendo teu próprio ser.

    Muita Paz.

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário. Ficaremos felizes em poder contar com a sua opinião.